Salve a Vila Operária João Migliari

Salve a Vila Operária João Migliari A Vila Operária João Migliari chama para a conscientização das pessoas sobre história e pertencimento na Zona Leste. Por isso pedimos ao Departamento de Patrimônio Histórico da Prefeitura de São Paulo o tombamento desse patrimônio.
(5)

Quem tem grana pode tudo mesmo?
18/10/2019

Quem tem grana pode tudo mesmo?

Ta lá no jornal Diário do Grande ABC de hoje (18/10/2019). "Centro Logístico ignora Justiça e segue processo de licenciamento". Como podemos perceber, quem tem grana pode tudo nesse país, até mesmo passar por cima da justiça. Eles já apresentaram relatório de impacto ambiental cheio de falhas, sobre suas terras pairam suspeitas de grilagem, articularam mudança na lei de uso do solo no final do Governo Grana e agora aparecem com uma tal de lei de 1973 para justificar suas barbaridades. Lembrem-se bem dessa famigerada empresa e de seus asseclas. Eles vão até o fim com o plano de destruir o que restou de nossa mata atlântica.
Os "capetalistas" não desistem enquanto não destruírem o pouco que ainda resta de nossa floresta. Para isso, contam com a colaboração daqueles que almejam sempre algum lucro, seja financeiro, seja político. Não respeitam a legislação vigente, os órgãos gestores, a sociedade civil e ainda misturam interesses públicos com privados, com a anuência de autoridades. Abrem espaço para os famigerados "empreendedores" se apresentarem em reuniões tentando convencer conselheiros de seus "maravilhosos" projetos de DesMatamento em nome de um suposto Desenvolvimento Econômico, que só engorda as contas dos que destroem a Natureza.🤑 Isso não pode continuar.

#SOSParanapiacaba
#ForaCentroLogístico

28/09/2019
PlayGround BR

Para quem não viu, saímos no PlayGround BR! ❤️

Não se esqueça de assinar e compartilhar nossa petição:

http://chng.it/G2FPBXR7

Mesmo com a mobilização dos moradores e com um embargo para impedir a demolição, casas da Vila Operária João Migliari, no bairro do Tatuapé, em São Paulo, foram abaixo.

As máquinas que estão removendo o entulho da Vila estão causando rachaduras nas estruturas das casas restantes. Além dis...
26/09/2019

As máquinas que estão removendo o entulho da Vila estão causando rachaduras nas estruturas das casas restantes. Além disso, as casas continuam sendo demolidas e alteradas por dentro, para virar moradia dos trabalhadores de uma futura construção, que já está em andamento a revelia do Processo de Tombamento no DPH, que impede qualquer obra em caráter liminar até a conclusão do processo. #saopaulo #patrimonio #sp @ Salve a Vila Operária João Migliari

Muito bom ver outras lutas que chegaram a um final feliz! Parabéns Viva O Parque Vila Ema!
13/09/2019

Muito bom ver outras lutas que chegaram a um final feliz! Parabéns Viva O Parque Vila Ema!

Que venha o parque!

Estão limpando as ruínas da Vila. Tijolos, portas, janelas, luminárias históricas virando entulho em algum terreno baldi...
12/09/2019

Estão limpando as ruínas da Vila. Tijolos, portas, janelas, luminárias históricas virando entulho em algum terreno baldio qualquer.

Lembrando que o terreno é área envoltória em processo de tombamento.

Estamos de olho. 24h. @ Salve a Vila Operária João Migliari

Ele está só esperando a poeira baixar ou a gente jogar a toalha. Mas, ora vejam só, isso não vai acontecer. 🤷
08/09/2019

Ele está só esperando a poeira baixar ou a gente jogar a toalha. Mas, ora vejam só, isso não vai acontecer. 🤷

Casa rosa, cortina rosa
08/09/2019

Casa rosa, cortina rosa

Estamos aqui! Venha nos conhecer! Temos nome e endereço e não temos medo! #resistencia
07/09/2019

Estamos aqui! Venha nos conhecer! Temos nome e endereço e não temos medo! #resistencia

Agora um relato incrível do histórico da Vila! LEIAM!! Obrigado Douglas Nascimento!"Migliari foi uma figura de destaque ...
07/09/2019
A Vila da Rua João Migliari – São Paulo Antiga

Agora um relato incrível do histórico da Vila! LEIAM!! Obrigado Douglas Nascimento!

"Migliari foi uma figura de destaque também no meio automobilístico, sendo conhecido por atuar como um respeitável e disputado mecânico e preparador de carros de competição. Ele manteve uma oficina mecânica por muitos anos no número 985 da Avenida Celso Garcia.

Ao tentarem destruir a vila da Rua João Migliari por completo, seus proprietários não só estavam apagando parte da memória arquitetônica da cidade. Estavam também por apagar para sempre o legado do construtor desta vila."

http://www.saopauloantiga.com.br/a-vila-da-rua-joao-migliari/

Tudo o que você queria saber sobre a Vila da Rua João Migliari mas não tinha onde encontrar. Veja também fotos exclusivas da vila antes da demolição.

ESPELHEM O MÁXIMO QUE PUDEREMAgora nossa luta é outra. É para dar um exemplo de que a mobilização da sociedade civil pod...
05/09/2019
Assine o Abaixo-assinado

ESPELHEM O MÁXIMO QUE PUDEREM

Agora nossa luta é outra. É para dar um exemplo de que a mobilização da sociedade civil pode sim dar um freio no capital especulativo.

http://chng.it/w4xPFX9nvX

Pela implantação da Praça João Migliari - Memorial Operário do Tatuapé

E agora uma das arquitetas mais respeitadas do mundo também está ao nosso lado.https://raquelrolnik.blogosfera.uol.com.b...
05/09/2019
Tombamento não pode ser o único instrumento de preservação da cidade

E agora uma das arquitetas mais respeitadas do mundo também está ao nosso lado.

https://raquelrolnik.blogosfera.uol.com.br/2019/09/05/tombamento-nao-pode-ser-o-unico-instrumento-de-preservacao-da-cidade/

Acompanhe as últimas notícias do Brasil e do mundo em áreas como política, economia, cotidiano, saúde, tecnologia, educação e mais. Veja ainda fotos, áudios, vídeos e reportagens especiais com recursos multimídia.

Up!Foto: Eduardo Anizelli/Folhapress
04/09/2019

Up!

Foto: Eduardo Anizelli/Folhapress

Publicadas as resoluções do processo de tombamento do conjunto de vilas Migliari.
04/09/2019

Publicadas as resoluções do processo de tombamento do conjunto de vilas Migliari.

Vamos prestigiar esse herói da resistência.
03/09/2019

Vamos prestigiar esse herói da resistência.

⚠️ Estamos atendendo normalmente apesar dos fatos sobre a demolição parcial da Vila Operária João Migliari.

Tijolos tombados
03/09/2019

Tijolos tombados

03/09/2019

Atenção! Ao vivo agora no SP1 novamente!

🤷
03/09/2019

🤷

03/09/2019

ATENÇÃO!

DEMOLIÇÃO CONTINUA MESMO COM EMBARGO E NOTIFICAÇÃO. TODOS QUE PUDEREM AJUDAR SE DIRIJAM-SE AO LOCAL.

Embargo realizado. Se os operários continuarem a demolição serão presos. E todos para o bar barbearia do Ivan tomar uma ...
02/09/2019

Embargo realizado. Se os operários continuarem a demolição serão presos. E todos para o bar barbearia do Ivan tomar uma cerveja amanhã!

02/09/2019

EXTRA! EXTRA!

A última casa da Vila está salva. Processo de tombamento aberto!

http://www.bandnewsfm.com.br/2019/09/02/vila-historica-com-possibilidade-de-tombamento-e-destruida-por-imobiliaria-em-sp...
02/09/2019
Vila histórica com possibilidade de tombamento é destruída por imobiliária em SP - radiobandnewsfm

http://www.bandnewsfm.com.br/2019/09/02/vila-historica-com-possibilidade-de-tombamento-e-destruida-por-imobiliaria-em-sp/

Casas históricas na zona Leste de São Paulo são demolidas mesmo sob embargo da Subprefeitura da Mooca. A Vila Operária João Migliari ocupava um quarteirão na Vila Gomes Cardim com 40 casas, todas construídas na primeira metade do século 20. Do total, 38 sobrados foram destruídos ontem por u...

IAB SP - Instituto de Arquitetos do Brasil - São Paulo
02/09/2019

IAB SP - Instituto de Arquitetos do Brasil - São Paulo

NOTA PÚBLICA – IAB SÃO PAULO – DEMOLIÇÃO DA VILA OPERÁRIA JOÃO MIGLIARI

O IABsp – Instituto de Arquitetos do Brasil, Departamento São Paulo vem a público lamentar a demolição da Vila Operária João Migliari – localizada na Vila Gomes Cardim, Tatuapé, São Paulo – nos dias 31 de agosto e 01 de setembro.

A Vila Operária João Migliari é uma notável construção que remonta processos de industrialização e seus trabalhadores, referência histórica do processo de urbanização da cidade de São Paulo na primeira metade do século XX. A Vila, com particular qualidade ambiental e urbana, está conformada por um conjunto de 40 residências geminadas de dois andares que foi construída para os trabalhadores das indústrias instaladas na Zona Leste da cidade, próxima ao eixo ferroviário. Neste contexto foi protocolado em maio deste ano, junto ao Conpresp, o pedido de abertura do processo de tombamento da Vila (Processo Administrativo 6025.2019/0007640-6), que se encontra em análise pelo Departamento do Patrimônio Histórico (DPH) da Prefeitura de São Paulo. A autorização para a demolição, emitida anteriormente, havia sofrido embargo por parte da Subprefeitura da Mooca, em razão de irregularidades. Assim, a demolição ocorrida neste final de semana (31 de agosto e 01 de setembro) configura ato criminoso que desrespeita o trâmite legal necessário para tal ação.

Diante do exposto, lamentamos o descompasso entre as dimensões da produção imobiliária e de proteção ao patrimônio cultural, prejudicando a construção de um desenvolvimento urbano sustentável. Este episódio reforça, mais uma vez, a importância do fortalecimento dos mecanismos de controle e do fomento à proteção, conservação, restauro e difusão do patrimônio arquitetônico, urbanístico e ambiental das cidades brasileiras. Entende-se que esse fortalecimento deve vir acompanhado do reconhecimento da importância de mobilização da sociedade civil através de grupos organizados na reivindicação de preservação da qualidade ambiental urbana; de uma comunicação mais clara e dinâmica entre as diversas esferas e órgãos de aprovação da Prefeitura; e do incremento do corpo técnico hoje bastante reduzido do Departamento de Patrimônio Histórico de maneira a garantir o atendimento ágil, mas com a devida responsabilidade, às demandas que recebe.

Solicitamos e aguardamos que a Prefeitura de São Paulo, Ministério Público e os órgãos competentes realizem a devida apuração dos fatos ocorridos e tomem as medidas cabíveis.

São Paulo, 1 de setembro de 2019.

Foto: Clécio Bachini

Nada tem valor para o estúpido. Nem as portas e janelas retiraram na sanha de destruir rapidamente, antes que o poder pú...
02/09/2019

Nada tem valor para o estúpido. Nem as portas e janelas retiraram na sanha de destruir rapidamente, antes que o poder público e a sociedade civil agissem.

@dph_sp @subprefeituramooca

Foto @mumbixiga

02/09/2019

Atenção!

Quem tiver fotos da Vila destruída de diferentes ângulos, favor nos enviar para juntarmos ao processo!
Obrigado!

Endereço

Rua João Migliari, 1 Tatuapé
São Paulo, SP
03310-030

Notificações

Seja o primeiro recebendo as novidades e nos deixe lhe enviar um e-mail quando Salve a Vila Operária João Migliari posta notícias e promoções. Seu endereço de e-mail não será usado com qualquer outro objetivo, e pode cancelar a inscrição em qualquer momento.

Vídeos

Categoria

Patrimônio histórico e pertencimento na Zona Leste

A Vila Operária João Migliari chama para a conscientização das pessoas sobre história e pertencimento na Zona Leste. Por isso pedimos ao Departamento de Patrimônio Histórico da Secretaria de Cultura da Prefeitura de São Paulo o tombamento desse patrimônio da cidade.

A Zona Leste de São Paulo possui um patrimônio arquitetônico que ajuda a contar parte da história de ocupação e crescimento da cidade de São Paulo e do Brasil. Entretanto, como em outras partes da Capital paulista, esse patrimônio não está a salvo da corrida imobiliária que, nos últimos anos, transformou a cara da metrópole em todas as regiões.

É nesse contexto de expansão imobiliária que o Tatuapé vem se transformando, mas nem sempre respeitando sua própria memória. Ao que tudo indica, a próxima área do bairro a desaparecer será a Vila Operária João Migliari, conjunto com dezenas de casas que poderão ser demolidas para dar lugar a uma torre.

O Tatuapé, antigo reduto de imigrantes e trabalhadores da indústria paulista, tem visto não apenas seu patrimônio arquitetônico sucumbir aos interesses imobiliários, mas parte da história de seus próprios habitantes. Como acontece também na Mooca, Belém e outros bairros considerados mais atrativos para o mercado imobiliário na Zona Leste, o Tatuapé está na mira das construtoras, que enxergam a possibilidade de grandes negócios na região.

Parte do conjunto de sobrados já foi derrubada para a construção de um edifício. É para a parte restante da Vila Operária que os moradores do bairro pretendem pedir o tombamento ao Departamento de Patrimônio Histórico da Secretaria de Cultura da Prefeitura de São Paulo.

Museus nas proximidades


Outra Museus de história em São Paulo

Mostrar Tudo